DICIONÁRIO

Dicionário de Logística On-line

Desenvolvido para profissionais da cadeia de suprimentos, comércio exterior, logística, manufatura, armazenagem, tecnologia, qualidade e produtividade. Inclui terminologias, acrônimos, códigos e abreviações, termos em inglês e sua correspondência em português.

357

começando com a letra:

A

  • ACOMPANHAMENTO  (TRACKING ou FOLLOW UP)

    1.O processo de acompanhamento de um embarque de modo a determinar a natureza de seus movimentos no ponto onde as cargas foram perdidas e como podem ser recuperadas. Enquanto a expedição deve priorizar o embarque, o acompanhamento inicia-se após este embarque. Embora alguns embarcadores solicitem que seja acompanhada a maioria de seus embarques, isto normalmente deveria apenas ser utilizado para localizar um embarque que foi perdido. Entre diversas formas de acompanhamento estão: fax ou e-mails, telefonemas e registro de entregas. Quando realizado um acompanhamento, particularmente são necessários o número do conhecimento, a data, o número do veículo, o manifesto, o embarcador e o destino. 2.Este termo também é empregado em controle da produção e em projetos, buscando identificar eventuais desvios entre planejado e realizado.

  • ACOMPANHAMENTO DO ESTOQUE NA CADEIA DE ABASTECIMENTO  (SUPPLY CHAIN INVENTORY VISIBILITY)

    Software aplicativo que permite o monitoramento de eventos ao longo da cadeia de abastecimento. Estes sistemas rastreiam e seguem o estoque globalmente em uma linha de nível por material e notificam o usuário dos desvios significativos sobre os planos. Empresas são, portanto, informadas com estimativas realistas sobre quando o material chegará.

  • ACONDICIONAMENTO  (CONDITIONING ou PACKING)

    1. Processo de colocar cuidadosamente os materiais em recipiente ou contentor destinado a proteger e acomodar materiais e equipamentos. 2. Recipiente ou envoltório destinado a proteger a integridade do produto e acomodar materiais embalados.

  • ACORDO CONJUNTO COM OS FORNECEDORES  (JOINT SUPPLIER AGREEMENT – JSA)

    Indicativo das Práticas de Obtenção de fornecedores de Estágio 3, o JSA inclui termos e condições, objetivos, fluxo dos processos, metas de desempenho, flexibilidade, balanceamento e incentivos.

  • ACORDO DE CO-FABRICANTE  (CO-MAKER AGREEMENT)

    Acordo feito entre o fornecedor/co-fabricante e o cliente que, além do objetivo e termo do acordo, traz anotações de longo prazo: tempo e/ou confiabilidade de entrega, desempenho da qualidade e quantidade, procedimentos para efetuar redução no preço, e cooperação no desenvolvimento de novos produtos, entre outros.

  • ACORDO DE NÍVEL DE SERVIÇO  (SERVICE LEVEL AGREEMENT – SLA)

    Especifica as exigências do serviço contratado e as penalidades no caso do não-cumprimento do acordo. Veja também GERENCIAMENTO DO NÍVEL DE SERVIÇO.

  • ACORDO DE PEGAR OU PAGAR  (TAKE OR PAY AGREEMENT)

    Acordo de preços feito entre comprador e vendedor que estabelece que o comprador pagará por uma quantidade definida durante um período de tempo, independentemente da quantidade realmente necessária. Estes são usualmente acordos de desconto por preço.

  • Acordo Geral sobre Tarifas e Comércio  (GENERAL AGREEMENT ON TARIFFS AND TRADE – GATT)

    Tratado multilateral para ajudar na redução das barreiras de comércio entre os países signatários e promover o comércio mediante concessão de tarifas especiais. A Organização Mundial do Comércio (OMC) substituiu o GATT em 1994.

  • ACQUISITION PROCESS  veja PROCESSO DE AQUISIÇÃO

  • Acreditação  (ACCREDITATION)

    1. Credenciamento outorgado a órgãos com reconhecida objetividade, competência, capacidade, integridade, recursos e instalações, seja agência, serviço, grupo operacional ou indivíduo, que executa um serviço específico ou uma determinada operação. 2. Procedimento pelo qual uma associação autorizada reconhece a competência de um grupo para conduzir testes ou outras atividades de avaliação de conformidade.

Esconde a coluna direita

A Revista LOGÍSTICA & SUPPLY CHAIN

A revista LOGÍSTICA & SUPPLY CHAIN destaca-se por sua qualidade editorial e pauta criteriosamente estabelecida com o auxílio de um Conselho Técnico Editorial formado por profissionais experientes e atuantes no mercado de logística, com o objetivo de desenvolver reportagens criativas e atuais para os leitores. A participação constante em eventos nacionais e internacionais garante a antecipação de tendências aos leitores.