Embalagem

Notícias > Embalagem

СНПЧ А7 Самара, обзоры принтеров и МФУ

Paletes

 

Atualmente, bilhões de paletes transportam produtos de todos os formatos e tamanhos pelo mundo inteiro.

Em virtude de os paletes serem usados por diversos setores da indústria com especificações variadas, é importante que os gerentes de logística evitem pensar que uma solução vai servir para tudo. Para garantir a melhor escolha de um tipo de palete, os gerentes devem avaliar se as alternativas podem ajudar a melhorar a eficiência e reduzir os custos das aplicações específicas de suas empresas.

 

Hoje existem dezenas de empresas no mercado que oferecem alternativas aos paletes de madeira (mais usados), que variam desde paletes de plástico aos de alumínio e de aço. Cada uma dessas opções apresenta soluções que vale a pena analisar.

 

Paletes de madeira

 

 

Palete de Madeira

A maioria dos paletes ainda é constituída de madeira, pois continuam sendo bem aceitos pelos gerentes das cadeias de suprimentos e de logística e custam menos do que os paletes alternativos feitos de plástico ou de aço.

Porém esses paletes têm pontos negativos, como, por exemplo, a crescente preocupação com a contaminação em indústrias de alimentos, pois a madeira pode ser facilmente infectada por bactérias, ou alimentar incêndios nas fábricas e centros de distribuição, porque a madeira é um material altamente inflamável.

A seguir algumas características dos paletes de madeira:
• Custos iniciais baixos: os paletes de madeira são facilmente prototipados, relativamente baratos e rápidos de construir.
• Custos de reposição contínuos: pelo fato de a madeira ser um material orgânico, ela lasca com facilidade e pode empenar ou enfraquecer rapidamente. Essas características podem aumentar significativamente os custos de reposição.

 

Paletes de plástico

 

Palete de Plástico

Ao contrário dos paletes de madeira, os de plástico têm uma durabilidade muito maior. Enquanto os números de giros dos paletes de plástico podem chegar a 150 e 250*, os paletes de madeira duram, em média, apenas de sete a 10 viagens.

 

Outro problema evitado com o uso de paletes de plástico é o risco de fragmentos do material nos produtos transportados. Se houver transportadores contínuos, com os paletes de plástico não haverá pedaços do material, que podem acabar causando problemas em qualquer equipamento automatizado. As empresas não querem que objetos estranhos, tais como pregos ou lascas de madeira, que podem se soltar dos paletes, danifiquem seus produtos.

 

Um palete pode gerar muitas avarias na cadeia de suprimentos se não for projetado adequadamente ou não fizer o esperado. Os paletes de plástico, por serem fabricados a partir de um processo de moldagem, mantêm uma uniformidade que lhes permite interagir com as máquinas de um modo muito mais fácil. Porém, fazer protótipos plásticos é caro e exige novas ferramentas.

 

Os paletes de plástico podem conter diferentes misturas de resinas que aumentam sua durabilidade, enquanto outros podem ter vergalhões de metal ou de fibra de vidro, proporcionando estabilização nas cargas mais pesadas.

Em geral são usados nas indústrias automotiva, de bebidas e farmacêutica. Eis algumas características dos paletes de plástico:
• Ausência de contaminação: ao contrário da madeira, o plástico não é contaminado facilmente por produtos tóxicos ou bactérias. Podem ser limpos e desinfetados, por isso economizam tempo no transporte e custos associados ao repedido de paletes adicionais.
• Resistentes ao clima: os paletes de plástico não absorvem umidade, que muitas vezes leva à formação de fungos e aumenta o peso total do palete.

 

Paletes de aço e alumínio

 

 

Palete de aço ou alumínio

Outra opção de paletes são os feitos de alumínio ou aço. Alumínio é um material perfeito para limpeza e higiene e pode ser usado para criar paletes resistentes à corrosão.

 

A durabilidade dos paletes de alumínio também compensa durante as inspeções na instalação. Os inspetores da Saúde (Anvisa) não encontrarão paletes rachados ou quebrados, pregos soltos nem outros perigos associados aos paletes de madeira simples.

 

Eles não têm lascas, são extremamente duráveis e não usam fixadores mecânicos – são montados com o uso de processos de soldagem robotizados.

 

Os paletes de aço são igualmente duráveis, sendo a média de avarias dos paletes de aço de 6%, contra 25% a 30% de taxa de avarias dos paletes de madeira. Algumas empresas conseguem obter 52 giros* nos paletes de aço – um valor de uso simulado de quatro a cinco anos.

 

Os paletes de aço/alumínio representam menos de 1% dos paletes atuais na distribuição e são normalmente encontrados nas indústrias automotiva, alimentícia, química e farmacêutica. Ao analisar os paletes de aço, leve em conta os seguintes atributos:
• Custos de seguro menores: pelo fato de o aço não ser inflamável e seus equivalentes de madeira e de plástico servirem de combustível para incêndios, o uso de paletes de aço pode reduzir os custos do seguro**.

• Custos de reposição menores: o aço é excepcionalmente durável e não quebra nem entorta sob pressão. Essa durabilidade geral reduz os custos, pois os paletes de aço precisam ser substituídos com menor frequência do que os paletes de madeira ou de plástico.• Menores custos associados aos problemas de larga escala: como o plástico, os paletes de aço não exigem nenhum tratamento anti-insetos ou outras infestações. Além disso, alguns produtos químicos que podem corroer ou penetrar no plástico não afetam os paletes de aço (e vice-versa).

* O número de giros depende da área de utilização para cada tipo de palete.
** Os custos de seguro para cada tipo de palete também dependem da sua utilização.

 

 

Colar para Paletes

 

Os colares para paletes reduzem a necessidade de materiais de embalagem caros e descartáveis, diminuindo assim os resíduos descartados no ambiente. Eles também diminuem os perigos de os produtos caírem dos paletes quando empilhados em grandes alturas.
Os produtos podem ser estocados nos colares em um armazém e em seguida transportados diretamente sobre o mesmo palete e os mesmos colares com a simples inclusão de uma tampa e cintamento. Os colares para paletes são desmontados na viagem de retorno para reduzir os custos.Benefícios:
• simples e leves para montar;
• reutilizáveis;
• reduzem os problemas de saúde e segurança ocupacional, protegendo os itens estocados em grandes alturas;
• as paredes sólidas e a tampa mantêm o produto no palete;

• fáceis de carregar e descarregar;
• oferecem máxima proteção e segurança no transporte, garantem a privacidade dos produtos e eliminam furtos;
• uma alternativa fácil para produtos difíceis de embalar.Acessórios disponíveis:
• Porta-documentos de envelope de plástico simples: permite que etiquetas, códigos de barras e identificação do produto sejam facilmente mostrados.
• Suportes de sustentação: prende os colares ao palete para segurança na estocagem.
• Impressão de logotipo: os logotipos das empresas podem ser serigrafados nos colares para fácil identificação e publicidade.
• Por segurança, a tampa completa a solução: as tampas também podem ser usadas como divisões internas horizontais, criando compartimentos dentro dos colares para separação dos produtos.

 

 

 

Participe e Comente

A Revista LOGÍSTICA & SUPPLY CHAIN

A revista LOGÍSTICA & SUPPLY CHAIN destaca-se por sua qualidade editorial e pauta criteriosamente estabelecida com o auxílio de um Conselho Técnico Editorial formado por profissionais experientes e atuantes no mercado de logística, com o objetivo de desenvolver reportagens criativas e atuais para os leitores. A participação constante em eventos nacionais e internacionais garante a antecipação de tendências aos leitores.